Viajando de TREM por PORTUGAL – maravilhosa EXPERIÊNCIA

Passamos 15 dias viajando de trem por Portugal. Foi uma excelente decisão usar os trens portugueses como meio de transporte para visitar as diversas cidades no país: Porto, Sintra, Évora, Lisboa, Óbidos. Em todas estas cidades nós dormimos. Fizemos ainda bate/volta para Guimarães desde Porto e também fomos de trem, claro!

Eu já atirei ao vento meu bem querer pelas viagens de trem, diversas vezes. Já comentei também que, em contrapartida, alugar carro, dirigir, me entender com estradas desconhecidas, buscar lugares para estacionar, abastecer… Tudo isso me causa uma preguiça sem tamanho.

Por isso tudo, confesso que foi muito frustrante quando começamos a pesquisar Portugal e percebemos que era quase unânime a recomendação de alugar um carro para conhecer o país.

Apesar disso, não nos entregamos e, depois de perguntar, escarafunchar, buscar, analisar, averiguar, constatamos que é, sim, possível viajar de trem por Portugal de maneira confortável e fácil.

A malha ferroviária portuguesa

Viajando de trem por Portugal Comboios de Portugal

Malha Ferroviária portuguesa

A primeira coisa que descobrimos sobre a malha ferroviária portuguesa é que ela possui particularidades, as quais um atendente do CP – Comboios de Portugal, através do chat no site, nos ajudou a entender.

Portanto, caro viajante, se tiver alguma dúvida quando estiver comprando bilhetes de trem para viajar por Portugal, não hesite em contatar um funcionário pelo site dos comboios.

Portugal possui ampla malha ferroviária oferecendo diferentes rotas, serviços e tipos de trem, que viajam de norte a sul e de leste a oeste do país, como o Alfa Pendular, o Intercidades, Regional e InterRegional, além dos Comboios Urbanos.

Viajando de trem por Portugal Comboios de Portugal

Comboios de Portugal – pesquisa de horários

 

Viajando de trem por Portugal Comboios de Portugal

Comboios de Portugal – pesquisa de horários

Alguns deles podemos comprar com antecedência pela internet, outros, entretanto, só mesmo nas estações de trem.

O que acontece é que, no site dos Comboios de Portugal, é possível consultar horários, preços e rota desejada. Contudo, quando vamos comprar os bilhetes pesquisados on line, às vezes recebemos a seguinte mensagem: “A compra que pretende efetuar não está disponível na Bilheteira Online. Dirija-se, por favor, à bilheteira mais próxima.”.

Isso significa na prática que os bilhetes de comboios, os trens, não são todos vendidos pela internet: os comboios considerados urbanos, por exemplo, só podem ser comprados na bilheterias. É o caso do trecho Lisboa – Sintra – Lisboa.

Viajando de trem por Portugal Comboios de Portugal

Comboios de Portugal – compra de bilhetes desde Estação São Bento: baldeação

Viajando de trem por Portugal Comboios de Portugal

Comboios de Portugal – compra de bilhetes desde Estação Campanhã

Comprando os bilhetes de trem para viajar por Portugal

Vou dar um exemplo prático para ajudar a ilustrar as particularidades na compra de bilhetes para viajar nos trens portugueses.

Origem: Porto; Destino: Sintra.

Nas pesquisas o site nos mostra toda a rota, desde a Estação Campanhã ou São Bento, no Porto, incluindo todas as estações onde o trem para, até Sintra, mas não permite a compra, por que só podemos comprar on line o trecho que vai do Porto até Lisboa.

O trecho que vai da capital portuguesa até Sintra só é possível comprar nas bilheterias, pois os Comboios Urbanos, que fazem esse percurso, não são vendidos pelo site.

Sendo assim, compramos pela internet os bilhetes desde a estação Porto Campanhã (para não ter que fazer baldeação, o que aconteceria caso comprássemos da Estação de São Bento) até a estação Lisboa Oriente. Lá em Lisboa Oriente compramos os bilhetes para Sintra e embarcamos no primeiro trem que parou na plataforma, alguns minutos depois.

Assim, sempre que o trajeto incluir Comboios Urbanos, esse trecho deve ser comprado presencialmente. Depois de entender essa particularidade portuguesa, nossa viagem de trem por Portugal foi assim definida:

Porto – Sintra;
Sintra – Évora;
Évora – Lisboa;
Lisboa – Óbidos;
Óbidos – Porto.

Passamos ainda um dia em Guimarães, cidade que fica próxima ao Porto. Os bilhetes podem ser comprados na hora, na estação de São Bento. Sugiro apenas já comprar ida e volta, para não correr o risco de pegar a bilheteria em Guimarães fechada.

É muito importante observar, no momento da compra dos bilhetes pela internet em que estação queremos embarcar e desembarcar e quantas baldeações teremos que fazer. Em minha opinião, quanto menos baldeação melhor, por ser menos cansativo e menor o risco de perdermos o trem, pois se o primeiro atrasar, podemos não ter tempo hábil para pegar o trem seguinte.

Viajando de trem por Portugal

Viajando de trem em Portugal

Estação Campanhã no Porto

Viajando de trem por Portugal Comboios de Portugal

Estação Lisboa Oriente – chegando de Porto, partindo para Sintra

Viajando de trem por Portugal Comboios de Portugal

Estação de trem de Sintra

Viajando de trem por Portugal eu observei o quanto eles são eficientes e confortáveis. As estações são muito bonitas e quase não tivemos problemas de atrasos.

Os perrengues que encontramos foram poucos. O trem Porto – Lisboa saiu abarrotado de pessoas e encontramos a estação de Óbidos completamente vazia, a não ser por Leo e eu, tanto na chegada quanto na partida da pequena vila. Isso nos confundiu um pouco, pois não tivemos com quem tirarmos nossas dúvidas e nos perdemos ao tentar achar a vila.

O que ficamos sabendo é que poucas pessoas hoje chegam à pequena Vila de Óbidos de trem, sendo mais comum de carro ou ônibus. Uma pena, pois a viagem de trem foi ótima e muito tranquila.

O trem atrasou saindo de Óbidos e quase perdemos a baldeação em Coimbra, mas no final deu tudo certo e o ferromoço muito gentilmente nos ajudou.

Viraram histórias para contar!

Já sabe onde se hospedar em Portugal?! Tenho sugestões: clica no link bem aqui abaixo para descobrir quais!

Cais da Ilha de Genebra

+ Hospedagem em Portugal

Contudo, se você, meu caro viajante, é um aficionado por road trips e pensa em viajar de carro pelas estradas portuguesas, veja como foi a experiência da Maytê, que escreve para o blog Passaporte com Pimenta, clicando no link abaixo:

Cais da Ilha de Genebra

+ Road Trip por Portugal

Vamos espiar este mundão lindo comigo?

Então siga o Espiando pelo Mundo nas redes sociais: FacebookInstagramTwitter e Google+

Viajando de #trem por #Portugal a malha ferroviária portuguesa funciona bem, mas tem particularidades. Saiba como comprar bilhetes e outras informações. #Europa #viajantesempressa #viajandodetrem

Clicando na imagem ao lado Viajando de trem por Portugal ficará guardado em seu perfil no  Pinterest. 🙂

Para mais inspirações e histórias de viagem siga o perfil do Espiando pelo Mundo no Pinterest.

 

 

Se você, meu caro viajante, gostou de Viajando de trem por Portugal , compartilhe em suas redes sociais para que os amigos leiam e se deliciem também! 🙂 

Os botões de compartilhamento estão aqui abaixo.

Cais da Ilha de Genebra

By | 2018-03-07T00:57:07+00:00 19/12/2016|Categories: Europa, Portugal, Preliminares Portuguesas|Tags: , , |3 Comentários

3 Comentários

  1. […] + Viajando de trem por Portugal […]

  2. Rosana 28/02/2018 em 07:42 - Responder

    Todo mundo fala que a estação de Óbidos é muito longe da vila.Como vc fez?

    • Analuiza Carvalho 28/02/2018 em 09:47 - Responder

      oi Rosana… fomos caminhando. Não achei longe não. Uns 10, 15 minutos de caminhada, se muito. O problema é que não tem sinalização, então demoramos um tempo perdidos, pois não havia ninguém para informar. O que você deve fazer é o seguinte: de costas para a estação vire à esquerda e caminhe até a estrada pelo acostamento da trilha do trem. Lá vire a direita e vá em frente. Logo estará na Vila de Óbidos. bjs

Deixar Um Comentário