PASSEANDO pela orla do Rio ARNO em Florença

Aquela noite fria do outono florentino nos encontrou passeando pela orla do Rio Arno, em total deleite e meditação ativa diante de tanta beleza escancarada.

Existe uma coisa chamada Síndrome de Stendhal e naquela terça feira de Novembro, em Florença, eu sofria dela.

Síndrome de Stendhal

Orla do Rio Arno

A beleza de Florença

Orla do Rio Arno

Beleza para onde quer que olhemos

A Síndrome de Stendhal é a síndrome da exposição excessiva à beleza, cujas causas são palpitações, alucinações, vertigem e falta de ar. Acontece com indivíduos submetidos a uma overdose de obras de arte, especialmente em lugares fechados como museus.

O nome da síndrome se deve ao escritor francês Stendhal, acometido por ela quando visitou Florença no século XIX e sentiu os sintomas ao visitar a Igreja de Santa Croce onde ficou por muito tempo observando os afrescos.

Descreveu-o: 

             “Absorto na contemplação de tão sublime beleza, atingi o ponto no qual me deparei com sensações celestiais. Tive palpitações, minha vida parecia estar sendo drenada…”.

Perambulando por Florença

Orla do Rio Arno

Em Florença a arte e a beleza são duas constantes

É brincadeira, claro, não cheguei a este nível, mas por via das dúvidas, naquele dia, com exceção da pequena exposição temporária La Bellezza Divina, que vimos no Palazzo Strozzi, passamos o dia perambulando por Florença.

Não tínhamos nenhum objetivo específico, a não ser caminhar pela cidade, senti-la e permitir que ela entrasse por nossos poros, deixando nossa energia por ali, descansando da quantidade imensa de beleza, arte e informação histórica que tínhamos recebido até então.

Esta velha senhora tem muita história a nos contar e muita coisa a nos mostrar

Orla do Rio Arno

Uma velha e bela senhora esta Florença

Devo dizer, no entanto, que mesmo somente flanando pelas ruas e piazzas da cidade, nossos sentidos continuaram sendo estimulados, continuamos expostos à intensidade artística desta cidade, impedindo o relaxamento completo.

Afinal, esta velha senhora tem muita história para nos contar e o faz a todo instante, mesmo sem pedirmos e para uma pessoa curiosa e sedenta de entendimento e conhecimento como eu, foi impossível negar o que ela me ofereceu.

O entardecer na orla do Rio Arno

Orla do Rio Arno

O entardecer na orla do Rio Arno em Florença

O entardecer em Florença é muito bonito, especialmente na orla do Rio Arno: as luzes naturais vão mudando de cor enquanto as luzes da cidade vão se acendendo e o cenário que se forma junto com os monumentos são uma obra de arte.

A temperatura caía rapidamente, mas nós nem nos importamos. Andamos de mãos dadas, namoramos, aproveitamos aquele cenário encantador até o sol se por completamente e então penetramos na noite Toscana, sem nenhuma vontade de entrarmos em qualquer lugar.

O rio Arno, enfeitado com os reflexos dos edifícios que compõem a maravilhosa arquitetura florentina fica especialmente interessante no crepúsculo. Reflexos na água sempre me fazem lembrar as obras do pintor holandês Vermeer.

A Ponte Vecchio

Orla do Rio Arno

A mui famosa Ponte Vecchio à noite

Orla do Rio Arno

A Ponte Vecchio mergulhada na noite florentina

Atravessamos novamente a Ponte Vecchio, que neste momento continuava movimentada. A ponte mergulhada na noite tinha outra atmosfera, outro clima e a vista que ela nos proporcionou neste momento, com a cidade expandida diante do rio, foi magnífica.

Se quiser conhecer mais detalhes da Ponte Vecchio clique no link logo aqui abaixo:

+ A icônica Ponte Vecchio de Florença

Não paramos por aí entretanto. Nosso destino seguinte foi a Piazza della Signoria, outro símbolo de Florença.

Se você, assim como eu, amou este caminhar pela orla do Rio Arno em Florença, clique no link abaixo que ele estará bem guardado em seu Pinterest! 🙂 

Passear pela orla do Rio Arno é uma das coisas a não se deixar de fazer em Florença. Sugiro aproveitar as primeiras ou últimas horas do dia quando as luzes costumam estar magníficas.

By |2018-03-07T00:57:26+00:0030/04/2016|Categories: Florença|Tags: , , |1 Comentário

Um Comentário

  1. […] o estonteante entardecer caminhando pela orla do Rio Arno, apreciando belíssimo espetáculo que as luzes do crepúsculo nos proporcionaram. Em seguida, […]

Deixar Um Comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.