O MAGNÍFICO Palácio da BOLSA do Porto

O Palácio da Bolsa do Porto é um esplêndido edifício localizado na Praça do Infante, cercado por outros bonitos e variados exemplares arquitetônicos que formam a identidade desta cidade tão atraente.

De estilo neoclássico foi construído a mando de D. Maria II, cujo início deu-se em fins do século XIX, sendo concluído apenas no século seguinte.

Em nossa última tarde na cidade nós fizemos a visita guiada que durou mais ou menos 1 hora e valeu cada 1 dos 8 euros que nós pagamos, pois o interior do Palácio da Bolsa do Porto é absolutamente magnífico.

Passado e presente do Palácio da Bolsa do Porto

Palácio da Bolsa

Belíssima entrada principal do Palácio da Bolsa do Porto

Palácio da Bolsa

Brasões dos países que tinham relação comercial com Portugal

A construção do edifício, sobre as ruínas do Convento dos Franciscanos, durou 68 anos e foi feito em granito esculpido à mão. Tudo no Palácio da Bolsa é arte e isso fica claro logo ao adentrarmos o prédio.

Funcionou como bolsa do comércio, mas atualmente é a Sede da Associação Comercial do Porto, servindo também para eventos culturais, políticos e sociais.

Nos dias de hoje são 120 associados que estão entre os grandes comerciantes e industriais da região.

No saguão inicial, o Palácio das Nações, onde o tour é inciado, observamos os brasões dos países com quem Portugal mantinha relações comerciais. O Brasil está em destaque, ao lado do brasão português.

20 países estão representados.

Os inúmeros detalhes carregados de arte, história e beleza

Palácio da Bolsa

Escadaria de acesso ao segundo piso

Lustre de bronze pesando 1 tonelada e meia

Palácio da Bolsa

Sala do Comércio ou do Tribunal

Palácio da Bolsa

Julgamento do século XV

Uma escadaria seca nos leva ao segundo piso onde podemos observar melhor um lustre de bronze pesando 1 tonelada e meia, feito em Paris.

Na sala do comércio há afrescos no teto ilustrando a pátria, a agricultura, transporte e cultura. Ali eram decididos os valores dos produtos e as disputas comerciais.

Há ainda ilustrações de cenas da vida cotidiana de séculos passados como, por exemplo, um julgamento em praça pública em Coimbra, ocorrido no século XVIII, onde o rei D. Diniz foi o juiz e outra no século XV no Porto.

A indústria é uma alegoria feminina e o comércio, uma alegoria masculina.

Conforme fomos avançando, entrando nos diversos ambientes que formam o Palácio da Bolsa, e ouvindo as histórias contadas pela guia, notamos como o edifício é artístico. Os detalhes são muitos.

Vemos ali, exposto, o primeiro telégrafo daquele prédio e que ainda funciona em código Morse. Portugal foi um dos primeiros países a possuir um desses. Já foi mesmo um país poderoso este Portugal!

Salas que impressionam

Palácio da Bolsa

Sala Dourada

Palácio da Bolsa

Detalhes do teto da Sala Dourada

Palácio da Bolsa

Sala da eleição do presidente: brasão imitando bronze

Palácio da Bolsa

Mesa em marchetaria – 3 anos para ser finalizada. Piso em 3D

A sala dourada, cujo nome se deve ao trabalho feito no teto, é espetacular. O chão é de marchetaria, feito com madeira exótica levadas do Brasil e África para Portugal. Ao lado está a sala do presidente que utiliza a mesma técnica no chão, apenas mais trabalhada.

É uma obra primorosa!

Já a sala da eleição do presidente, ou das assembleias gerais, é toda coberta de madeira, à exceção do teto que é feito de gesso pintado, imitando madeira, assim como o brasão da sociedade que copia o bronze.

No século XIX a imitação dos elementos esteve muito em voga por duas razões simples: desafio artístico e custo. Além disso, tudo o que era diferente atraía as pessoas.

Bom, dois séculos depois eu me senti muito atraída por tudo o que vi no Palácio da Bolsa!

Outro elemento que reside neste extraordinário edifício é uma mesa também esculpida com a técnica da marchetaria que demorou 3 anos para ser concluída, pois foi feita por apenas 1 homem e 1 canivete.

Assombroso!

Já o chão utiliza o mesmo método, porém em 3D.

Não foi possível para mim não ficar impressionada.

O Salão Árabe

O estupendo Salão Árabe

O Salão Árabe em detalhes

Por fim, chegamos ao ambiente mais impressionante, luxuoso, exótico, extravagante, ofuscante, espantoso e fabuloso do Palácio da Bolsa. Afirmo com total convicção que o Salão Árabe merece todo e qualquer superlativo aplicado a ele.

Apesar de Portugal ser um país católico, este salão usou e abusou de inspiração árabe, moda no século XIX.  Aqui foram usados cerca de 20 quilos de ouro, além de madeira e gesso.

Levou 18 anos até ser finalizado.

Frases em árabe como “Alá protege a rainha”, “Alá é o vencedor” e “Alá acima de todos” são encontradas nas paredes e no teto.

Há um andar superior que circunda todo o Salão Árabe utilizado por aqueles que não queriam bailar ou pretendiam fazer negócios durante os bailes.

Atualmente o salão é muito utilizado para casamentos.

Informações adicionais

A visita guiada custou 8 euros e escolhemos o horário das 15:30, em português, mas há em outros idiomas.

A minha sugestão é verificar com antecedência, de preferência no próprio Palácio da Bolsa, os horários, pois dependendo da quantidade de pessoas e dos eventos, eles podem ser modificados.

Vem espiar este mundão lindo comigo:

Siga o Espiando pelo Mundo nas redes sociais: FacebookInstagramTwitter e Google+

Para mais inspirações e histórias de viagem siga o perfil no Pinterest

Clicando na imagem abaixo o magnífico e esplendoroso Palácio da Bolsa do Porto ficará guardado em seu Pinterest! 🙂

O Palácio da Bolsa do Porto é um esplêndido edifício cujo início da construção deu-se no século XIX. É possível fazer uma visita guiada. Saiba como! #Portugal #VisitaGuiada #Porto #cidade #viagem

By |2018-03-07T01:05:54+00:0017/10/2017|Categories: Porto|Tags: , |12 Comentários

12 Comments

  1. Mayte Scaravelli 24/10/2017 em 04:39 - Responder

    PARA TUDO! Quero casar já nesse salão árabe!!!! Oq é isso? que sala é essa? que linda!!!! E eu já me contentando com a sala dourada rsrsrs

    Quanto estive na cidade do porto li algumas (poucas) coisas do palácio da bolsa e fiquei na dúvida sobre entrar ou não, vejo que perdi mais uma atração na cidade e que tenho bons motivos para voltar (sempre) rsrsrsrs…

    Quero ver com os meus olhos, uma mesa feita por um único homem e um canivete, deve ser lindíssima também e com muito valor.

    • Analuiza Carvalho 24/10/2017 em 07:50 - Responder

      oi Maytê… espetacular não?! Imagine só ao vivo! 🙂

      Eu também fiquei muito na dúvida pela mesma razão, tanto que só o visitamos na última tarde na cidade! Foi uma decisão bem acertada porque o lugar é mesmo muito bonito! 🙂

      Também tenho uma meia dúzia de desculpas para voltar ao Porto! rsrsrs bjus

  2. Viviane Carneiro 24/10/2017 em 18:44 - Responder

    Nossa… magnífico mesmo! Que lugar mais lindo e que fotos maravilhosas. Adorei o post e as dicas. Bjs

    • Analuiza Carvalho 24/10/2017 em 18:50 - Responder

      oi Vivane… não é mesmo maravilhoso o Palácio da Bolsa?! Vale mesmo o conhecer por dentro! 🙂 bjs

  3. Flavio 25/10/2017 em 17:05 - Responder

    Simplesmente de cair o queixo! Que arquitetura fantástica! Esse salão árabe parece um cenário de filme…
    Se as fotos já impressionam, imagina ver isto tudo presencialmente.
    Ainda não conheço Portugal, mas com certeza, quando eu tiver oportunidade, irei visitar o Palácio da Bolsa.

    Um abraço

    • Analuiza Carvalho 25/10/2017 em 19:39 - Responder

      oi Flávio… faça isso que esta é uma visita muito bacana para se fazer no Porto! 🙂 bjs

  4. Miranda Jr 27/10/2017 em 13:28 - Responder

    É sempre bom conhecermos sobre História e lugares como o Palácio da Bolsa nos conta muita história, a começar por ter levado 68 anos para ser construído… E a mesa? Tudo no Palácio da Bolsa é arte e muito lindo.

    • Analuiza Carvalho 27/10/2017 em 14:47 - Responder

      É verdade Miranda… o Palácio da Bolsa é um misto de arte e história e acaba por nos dizer muito sobre a cidade do Porto. 🙂

  5. Leo Vidal 30/10/2017 em 16:28 - Responder

    Não conhecia e adorei a ideia de visitar esse Palácio. O Salão Árabe realmente é o mais bonito. Um passeio diferente e fora do comum no Porto, adorei e já coloquei na lista.

    • Analuiza Carvalho 17/11/2017 em 11:41 - Responder

      oi Leo… o Palácio da Bolsa é mesmo um dos lugares maravilhosos do Porto. Visite sim, quando puder! 🙂 bjs

  6. angiesantanna 02/11/2017 em 19:16 - Responder

    quantos detalhes incríveis, aquele teto da sala dourada é fenomenal! fico imaginando a trabalheira pra esculpir esse granito ai…e quantas gerações viram a construção, 68 anos pra ficar pronta o.O

    • Analuiza Carvalho 20/11/2017 em 17:08 - Responder

      É verdade Angie… o trabalho deve ter sido imenso! Muitos devem ter passado boa parte da vida acompanhado todo o trabalho e outros tantos não devem ter visto sua conclusão! beijinhos

Deixar Um Comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.