O Paço da LIBERDADE em Curitiba: ARTE e CAFÉ em um só lugar

Estávamos pelo centro de Curitiba fazendo um qualquer coisa que já não me lembro quando um belíssimo edifício, clássico e imponente captou meu olhar e chamou minha atenção. Fui em busca de descobrir quem era este personagem que depois de tantas visitas à capital paranaense eu ainda desconhecia. Era o Paço da Liberdade.

A história do Paço da Liberdade

Paço da Liberdade

Paço da Liberdade

Construído nas primeiras décadas do século XX, o Paço da Liberdade mistura os estilos neoclássico e art nouveau, resultando em um lindo e harmonioso, elegante e atraente edifício.

O prédio foi concebido para abrigar a prefeitura e assim o foi até o último ano da década de 1960, quando então a gestão municipal mudou de endereço.

Passou por reforma, abandono, acolheu o Museu Paranaense, até que, já nos anos 2000, foi revitalizado e restaurado tornando-se então um centro cultural administrado pelo Sistema SESC – Serviço Social do Comércio.

O Paço da Liberdade é tombado pelo IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.

Curiosidades

O primeiro elevador da cidade de Curitiba foi colocado neste edifício, instalado ainda em sua construção.

Antes da existência do Paço da Liberdade a prefeitura da cidade de Curitiba chegou a funcionar em salões de igrejas e dividiu espaço também com a cadeia pública.

Antes dele, quem funcionava neste local era o Mercado Municipal.

O interior do Paço da Liberdade

O acesso ao Paço da Liberdade é gratuito e não resistimos a conhecer sua intimidade.

O pessoal na recepção foi muito gentil e atencioso, nos falando sobre o prédio e o que havia para percorrer.

Naquela manhã acontecia uma exposição de arte moderna que, preciso confessar, não me disse muita coisa. Olhei, observei, analisei, mas apenas o silêncio incompreensível e um vazio enorme surgiram entre nós.

Sem emoção. Sem entendimento. Sem alcance de qualquer natureza.

O prédio, contudo, é muito bonito. Com interior mais sóbrio que sua fachada, ele é nobre. Apreciamos sua estrutura por um tempo, descemos pelas escadas, feitas de peroba rosa, para observarmos tudo o que nos era permitido.

Para finalizar e deixar que o Paço da Liberdade penetrasse nossa alma, fomos tomar um café.

O Café do Paço da Liberdade

Paço da Liberdade

O café do Paço

O Café do Paço, ou melhor, o Café escola do Senac, é puro charme. O local é lindo, assim, lindo de morrer!

Para completar, o atendimento foi simpaticíssimo, o café estava delicioso e ainda veio acompanhado de um docinho gostoso.

O Paço da Liberdade virou um de meus queridinhos nesta cidade que habita um cantinho de meu coração.

Endereço: Praça Generoso Marques – Centro (Setor Histórico)

Horários de Funcionamento (Do Paço da Liberdade e do Café): terça a sexta, das 10h às 21h; sábado, das 10 às 18h; domingo e feriado, das 11h às 17h.

Vamos passear mais um bocadinho por Curitiba?! Então clica nos dois links bem aqui abaixo para conhecer mais dois lugares massa na cidade!

Curitiba

+ Lucca Café – para um delicioso café em um lugar aconchegante

+ Museu Alfredo Andersen – para momentos de prazer com este pintor maravilhoso

Venha espiar este mundão lindo comigo:

Siga o Espiando pelo Mundo nas redes sociais: FacebookInstagramTwitter e Google+

Para mais inspirações e histórias de viagem siga o perfil no Pinterest

Se gostou do texto, compartilhe em suas redes sociais para que os amigos leiam e se deliciem também! 🙂 

Clicando na imagem abaixo o Paço da Liberdade ficará guardado em seu Pinterest. 🙂

O Paço da Liberdade em #Curitiba no #Paraná, #Brasil é um belo edifício do século passado que abriga um centro cultural e uma cafeteria. #viajante #arquitetura #viajar

By |2018-03-07T01:05:32+00:0030/11/2017|Categories: Curitiba|Tags: , , |0 Comentários

Deixar Um Comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.