Hospedagem CHARMOSA e cheia de ARTE na Cidade do Cabo, ÁFRICA do Sul

Onde se hospedar na Cidade do Cabo?! Vou dar uma sugestão de hotel. Foi onde ficamos na semana que passamos na cidade e que me agradou muito: o Daddy Long Legs Art Hotel. Bem localizado, ele é cheio de simpatia, tanto em relação ao staff quanto à decoração. Alias, o lugar é puro charme e arte!

O Daddy Long Legs – eta nomezinho engraçado – fica muito bem localizado, na Long Street, principal avenida da cidade. O acesso a ele se dá por uma portinhola e uma longa escadaria que nos leva até a recepção.

A maioria dos lugares que visitamos em Western Cape, o Cabo Ocidental, região que percorremos em nossos dias na África do Sul, não tinha elevadores e os acessos aos andares superiores se davam quase sempre por longas escadarias.

No Long Legs não foi diferente!

Onde se hospedar na Cidade do Cabo?! Ora, ora… No Daddy Long Legs Art Hotel, sem dúvida!

Onde se hospedar na Cidade do Cabo

Escadas e mais escadas

A recepção

A recepção funciona 24 horas e os recepcionistas são extremamente simpáticos, atenciosos e gentis. Sempre nos perguntavam o que pretendíamos fazer durante o dia, quando voltávamos queriam saber como tinha sido tudo.

Eles foram responsáveis por muitos dedinhos de prosa todas as manhãs enquanto tomávamos um café deliciosamente feito na cafeteira elétrica, acompanhado de gostoso biscoitinho e em muitas noites quando sanavam nossa curiosidade a respeito de alguma coisa vista ou vivida durante o dia.

O café, sempre fresquinho de ótima qualidade, além dos biscoitinhos e chás ficavam o tempo todo disponíveis na recepção. Eu fiquei absolutamente viciada. Virou um ritual: café, biscoito e conversa. Além disso, recebemos welcome drinks que bebemos relaxadamente em nossa última noite na Cidade do Cabo, confortavelmente instalados na sacada do hotel. Leo tomou cerveja e eu fiquei com vinho.

O Daddy Long Legs Art Hotel não oferece café da manhã.

Quartos com design e gentileza

Como o Daddy Long Legs Art Hotel funciona em um antigo casarão, que já foi até night club, os quartos variam bastante em tamanho e decoração. Cada um dele tem um nome e ao pegarmos a chave devemos informar a nomenclatura do quarto.

Nos primeiros dias foi um problema, porque eu não tenho boa memória e esquecia sempre o bendito nome de nosso quarto: Mak1One.

Mak1One é um grafiteiro responsável pela decoração 3D de nossa habitação de 6 dias na Cidade do Cabo. Eu preciso dizer que amei! Pouco usual, tinha uma escultura sobre a cama e um grafite no banheiro. Piso de madeira gasto, um cabideiro e uma estrutura de apoio na parede meio obra de arte funcional, compunham o ambiente.

                         “When I look at objects I see them from every angle, all the shadows and shapes and contours, I never just see something flat and smooth.”, diz ele, o artista.

Para completar, uma mesa e duas cadeiras, com uma cafeteira e chás. Acordar todos os dias com um cafezinho feito na hora, ainda enrolada no cobertor me fez suspirar todos os dias de muito amor.

Para resolver a questão da minha falta de memória e incapacidade de gravar o nome do quarto, eu fui agraciada com a gentileza dos recepcionistas que fizeram o favor de me associar corretamente ao meu quarto.

Então, sempre que eu subia as escadas, eles já estavam com minhas chaves em mãos. Tem como não sentir a mais pura gratidão?!

Por fim, e não menos importante, cama de casal ampla, com lençóis branquinhos… Tudo muito aconchegante em minha opinião!

Onde se hospedar na Cidade do Cabo

Cama ampla com lençóis branquinhos – tudo aconchegante

Onde se hospedar na Cidade do Cabo

Mesa com cafeteira e chás

Onde se hospedar na Cidade do Cabo

Piso gasto e charmoso

Mais uma história de gentileza

Enquanto Leo corria a ultramaratona Two Oceans, eu fiquei com nossos amigos, visitando lugares e passeando pela cidade. A ideia era almoçarmos no V&A Waterfront, local que eles gostaram muito. Leo nos encontraria lá mais tarde.

Fomos desaconselhados a pegar taxi. Eu não tenho o app do Uber em meu celular. Indecisa sobre o que fazer, um dos recepcionistas me disse que ele chamaria o Uber para mim e eu faria o pagamento em dinheiro ao motorista.

Achei muito simpático da parte dele se envolver e se preocupar em solucionar a questão.

Banheiro descoladinho

Onde se hospedar na Cidade do Cabo

Banheiro descoladinho

O banheiro de nosso Mak1One era pequeno e adequado. Chuveiro quente e forte, pia sem bancada e uma decoração divertida. Como Cidade do Cabo está com graves problemas de seca, correndo risco sério e real de ficarem sem água, eles disponibilizaram no banheiro um gel de limpeza para as mãos.

Além disso, pediram que usássemos o mínimo de água possível para o banho e higiene matinal.

É possível beber água da torneira e isso me chamou a atenção. Prática comum na Europa (maioria dos países) e Estados Unidos, mas não na América do Sul, fiquei surpresa por ser assim também em Western Cape na África do Sul.

Estacionamento

Onde se hospedar na Cidade do Cabo

Ponto de ônibus em frente ao hotel e placa de proibido estacionar.

O Daddy Long Legs Art Hotel não disponibiliza estacionamento. Na Long Street há locais permitidos para estacionar, mas são poucos pelo que observei e muito disputados, por ser uma rua muito movimentada. Os guardas de trânsito multam mesmo. Vimos vários carros sendo canetados.

Eu não vi necessidade alguma de alugar carro para rodar dentro da Cidade do Cabo. Usamos muito o Uber e nossos pés. Para quem preferir o ônibus há um ponto em frente ao Daddy Long Legs Art Hotel.

Resumindo

Se mil vezes visitar a Cidade do Cabo, mil vezes me hospedo no Daddy Long Legs Art Hotel. Onde se hospedar na Cidade do Cabo?! No Daddy Long Legs Art Hotel, claro!

Este texto é resultado apenas de nossas escolhas pessoais e de forma alguma fruto de qualquer tipo de parceria.

Quer saber como ir do aeroporto de Cidade do Cabo para o centro?! Então clica no link bem aqui abaixo!Cais da Ilha de Genebra

+ Como ir do aeroporto para o centro da Cidade do Cabo

Venha espiar este mundão lindo comigo pelas redes sociais. 

Siga o Espiando pelo MundoFacebookInstagramTwitter e Google+

Vai para a Cidade do Cabo, na África do Sul?! Sabe onde ficar?! Vou dar uma sugestão do #hotel onde fiquei por lá que me agradou muito. Basta acessar o blog para descobrir. #africadosul #cidadedocabo #africa #viajar #hospedagem #viagem #espiandopelomundo #viajantesempressa               Vai para a Cidade do Cabo, na África do Sul?! Sabe onde ficar?! Vou dar uma sugestão do #hotel onde fiquei por lá que me agradou muito. Basta acessar o blog para descobrir. #africadosul #cidadedocabo #africa #viajar #hospedagem #viagem #espiandopelomundo #viajantesempressa

Clicando em qualquer uma das duas imagens logo aqui acima Cais da Ilha de GenebraOnde se hospedar na Cidade do Cabo, África do Sul  ficará guardada em seu perfil no  Pinterest. 🙂

Para mais inspirações e histórias de viagem siga o perfil do Espiando pelo Mundo no Pinterest.

Onde se hospedar na Cidade do Cabo, África do Sul

Se você, meu caro viajante, gostou de saber Onde se hospedar na Cidade do Cabo, África do Sul, compartilhe em suas redes sociais para que os amigos leiam e se deliciem também! 🙂 

Os botões de compartilhamento estão aqui abaixo.

Cais da Ilha de Genebra

 

By |2018-05-10T17:09:15+00:0009/05/2018|Categories: África, África do Sul, Cidade do Cabo|Tags: |20 Comentários

20 Comments

  1. rui batista 11/05/2018 em 06:52 - Responder

    Vocês trataram-se bem. Gostei da escolha. À medida das necessidades, confortável, bonita e bem localizada. E essa varanda deu-me vontade de ir ai tomar um cafezinho convosco 🙂

  2. Lulu Freitas 11/05/2018 em 17:45 - Responder

    Que hote mega simpático. Adorei o design do quarto! Agora aquelas escadas com mala não deve ter sido muito agradável. Ótima dica na Cidade do Cabo. Ah! Também achei o máximo o nome do hotel rsrs

    • Analuiza Carvalho 11/05/2018 em 18:14 - Responder

      oi Lulu… eu fiquei bem feliz e satisfeita com esta escolha. As escadas não são a melhor coisa da vida, mas como viajo de mochila não fez muita diferença. Contudo, para quem viaja com malas e/ou tem alguma limitação física, fica um bocadinho complicado. Espero que esta sugestão ajude outras pessoas de viagem na Cidade do Cabo. 🙂

  3. Luis Felipe 11/05/2018 em 21:36 - Responder

    Que apartamento legal. Muito bacana o teto com essa arte em 3d. Moderno, contemporâneo. A simpatia dos atendentes também ajuda bastante, né?!

  4. Marcia Picorallo 12/05/2018 em 19:20 - Responder

    Boa dica, Analuiza, é tão legal ter esta chance de conversar com os locais, e é por isso que gosto de ficar em B&B ou hotéis bem pequenos, embora muitas vezes não faça esta escolha por um motivo ou outro. Como assim, não vai dar apoio ao marido na maratona? Brincadeira, eu tenho um primo maratonista e a esposa dele disse que no começo o acompanhava, mas hoje já não rola, não.

    • Analuiza Carvalho 12/05/2018 em 21:21 - Responder

      Eu adoro uma boa conversa! Se for acompanhada por um café e boa acolhida então… me ganha facinho, facinho! Ahhh… eu sempre vou! Adoro a corrida de rua, torço, grito. Na de Nova York, que rolou antes dessa eu fui e torci, gritei, me emocionei. Mas a Two Oceans não dava: logística complicada e a corrida não passava pela cidade, mas sim pela estrada. Caso contrário, estaria lá na torcida!!!! rsrsrs bjus

  5. Ruthia 13/05/2018 em 20:01 - Responder

    Achei bem interessante a arte dos quartos, dá uma sensação bem diferente dos hotéis estandardizados, né? É como se estivessemos não em casa (que tem uma decoração muito mais sóbria, no meu caso) mas em casa de um amigo. O que foi reforçado com os cafezinhos e a conversa, haha
    Estadia deliciosa.
    Beijinho

    • Analuiza Carvalho 13/05/2018 em 17:05 - Responder

      O cafezinho de todo dia, a boa conversa e a sacada foram tudo de bom! Quando eu entrei no quarto tomei um susto com aquela arte 3D e pensei até que fosse atrapalhar meu sono, mas dormi lindamente! Fiquei muito feliz com a escolha dessa hospedagem! 🙂 bjinhos

  6. Michela Borges Nunes 13/05/2018 em 20:18 - Responder

    Já amei o atendimento e esta recepção querida que tirava as dúvidas e esclarecia as curiosidades, gostei. E a escultura em cima da cama, que loucura! Amo tomar banho, acho que só ficaria nervosa com a necessidade de economizar água, não que eu seja uma desperdiçadora, mas eu acho que ficaria nervosa, hehehehehe. Gostei muito do relato e do hotel. Beijos.

    • Analuiza Carvalho 14/05/2018 em 10:12 - Responder

      oi Michela… eu também amo banhos e água corrente! Não foi sem sacrifício que eu reduzi bastante os banhos durante estes dias na África do Sul. Minha consciência assim o exigiu. Eu tenho dificuldades muitas em prejudicar os outros; pelo menos intencionalmente, mas te entendo perfeitamente! Deu nervoso sentir o chuveiro maravilhoso, a água potente e quente e ter que ser rápida! rsrsrs bjs

  7. Edson Amorina Jr 15/05/2018 em 04:02 - Responder

    Haha… que diferente esse teto! Ficou com medo de cair não? Gostei da sugestão de hospedagem, bem localizada, muito bom post. 🙂

    • Analuiza Carvalho 15/05/2018 em 07:39 - Responder

      oi Edson… não fiquei com medo que ele caísse não, mas no início fiquei com medo que ele me sufocasse, uma vez que tenho agonia de lugares que me deem sensação de confinamento. Mas não é que o negócio parece que dissolve, e não ma acachapou?! rsrs

  8. Gaia Vani 16/05/2018 em 16:49 - Responder

    Esse hotel parece simples e aconchegante. Gostei da dica e já anotei aqui. =)

    PS: esse teto é incrível.

  9. Roberta Lan 29/05/2018 em 17:03 - Responder

    Que bacana! Eu sou do tipo também que gosta bastante de andar a pé / usar transporte público nas viagens, então a localização super conta a favor! 😀

    • Analuiza Carvalho 05/06/2018 em 11:41 - Responder

      Verdade!!! Localização faz muita diferença quando gostamos de caminhar e/ou usar transporte público. 🙂

  10. Camila Neves 29/05/2018 em 21:25 - Responder

    Uauu, que diferente e incrível esse art hotel! E sempre bom saber que os atendentes por lá são simpáticos, né? Muito legal 🙂

    • Analuiza Carvalho 05/06/2018 em 11:39 - Responder

      oi Camila… acho que fazem uma grande diferença quando encontramos pessoas simpáticas e eficientes, não?! bj

Deixar Um Comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.