Chicago vista do alto: cidade de magníficos cenários

Chicago vista do alto é tão magnífica e atraente quanto observada do solo, quando somos mais um de seus elementos, inseridos em seus espetaculares cenários urbanos. Do topo do edifício John Hancock Center temos uma das mais bonitas vistas de Chicago.

Num fim de tarde sem muito esplendor, luminosidade ou contornos definidos, nos colocamos como espectadores do desenrolar da vida em Chicago, lá do alto, muito alto, vendo o cotidiano acontecendo bem pequenino, lá embaixo, longe. Imenso espetáculo, presenciamos!

Era primavera em Chicago.

O projeto [8on8] deste mês de setembro tem como tema: “Mirantes: belas vistas”. Ver uma cidade do alto me ajuda muito a entender seus delineamentos, seus trajetos, pois sou uma pessoa extremamente desorientada. Há ainda, muito encanto em se colocar à parte para apenas olhar.

Chicago vista do alto é apaixonante. Quase tanto quanto presenciada do solo. Por isso mesmo, escolhi essa cidade que eu adoro visitar, estar, para desfilar nesse [8on8] de belas vistas.

Chicago vista do alto #chicago #viagem

Chicago vista do alto: prédios e Lago Michigan

O Projeto 8 on 8

O [8 on 8] é um projeto coletivo formado por mulheres incríveis que propõe uma viagem através de imagens que representam um determinado tema definido mês a mês. O recorte de um lugar está intimamente ligado à maneira como os indivíduos olham, sentem e interpretam o mundo a sua volta.

Olhar uma imagem causa um misto de emoções. Imagens são fontes de inspiração e permitem ao seu observador as mais variadas sensações e interpretações.

Chicago vista do alto: 94° ou 95° andar

Existem duas maneiras de observar Chicago do alto do edifício John Hancock Center: pelo seu observatório no 94° andar ou pelo The Signature Room no 95°. Em ambos, temos vista 360 graus da cidade, através de grandes janelões de vidro.

Entretanto, cada uma das experiências tende a ser única e diferente por conta de suas características individuais.

Na opção do John Hancock Observatory o visitante pode observar livremente a cidade. Com o intuito de contar um pouco da história de Chicago e ajudar o espectador a reconhecer alguns lugares vistos dali, estão disponíveis guias multimídias e também telas touch-screen.

Há ainda, o tilt, uma experiência para quem não tem medo de altura (eu tenho, embora encare de modo destemido quase sempre): a pessoa gruda numa janela de vidro, ela inclina dando aos corajosos a sensação de voar sobre a cidade. Ingresso pago à parte.

O The Signature Room é restaurante e lounge, um andar acima do observatório. Por isso mesmo, não dá para circular tão livremente. É preciso respeitar as outras pessoas que estão ali. Definitivamente não podemos invadir a mesa, o espaço alheio.

Além do mais, não existe nenhuma informação a respeito dos cenários e personagens de Chicago. Temos que descobri-los, portanto, por nós mesmos. Interessante diversão!

Em qualquer dos dois lugares, contudo, é possível, permitido e devido, se deixar embalar pela beleza urbana dessa Chicago vista do alto.

Da mesma forma, tanto do observatório, quanto do restaurante, temos igualmente, uma visão magnífica da Lago Michigan e de outros marcos da cidade a exemplo do Navy Pier, do Rio Chicago e do Millenium Park. !

Toda a beleza do Lago Michigan em Chicago

The Signature Room no 95°

Nós passamos o dia todo passeando por Chicago: caminhamos pelo pelas margens do Rio Chicago, visitamos o Cultural Center, onde assistimos a um emocionante show de Blues e conhecemos seu interior numa visita guiada. Posteriormente, nós ainda perambulamos por ruas, parques, igrejas…

Nossos dias em viagens costumam ser cansativos com longas peregrinações urbanas e visitas sem pressa. Quando resolvemos que gostaríamos de apreciar seu entardecer, ter Chicago aos nossos pés, ver sua beleza lá do alto, decidimos também que queríamos fazer isso de modo mais relaxado, descontraído.

Uma apreciação tranquila, sem pressa nenhuma.

Por isso, estávamos conscientes, que, em virtude disso tudo, estaríamos ligeiramente cansados. Então, em vez de visitarmos o 94° andar, fomos para o happy hour no lounge do The Signature Room no 95º. Era sexta-feira.

É necessário fazer reserva, o que fizemos naquele mesmo dia, pela manhã. Contudo, por segurança, recomendo que façam uns dias antes.

Chegamos por volta das 18 horas. O dia ainda estava claro por ser primavera. Não havia fila e subimos rapidamente  os 95 andares. Os elevadores são velozes! O edifício John Hancock é o quarto prédio mais alto da cidade e o sétimo do país.

Chicago vista do alto #chicago #viagem

The Signature Room no 95° andar – longe e restaurante

The Signature Room no 95º – lounge, happy hour e drinques

O bar do The Signature Room no 95º andar estava cheio, assim como o restaurante. Tivemos que esperar uns minutos para nos sentarmos numa mesa próxima a um dos janelões. Por certo, foi muita sorte a nossa essa mesa estar vagando, pois algumas delas ficam no centro do salão, limitando a visualização da cidade.

Então, lá estávamos nós, diante daquele belo cenário urbano dessa linda cidade, a mais de 300 metros de altura!

O entardecer não esteve magnífico, intenso, mas foi bonito, com suas pálidas cores, deixando a paisagem em tons de cinza esbranquiçado.

Para permanecer no lounge, cada pessoa na mesa é obrigada a pedir pelo menos uma bebida. Elas não são baratas, mas são mais em conta que o ingresso para entrar no observatório. Além disso, há dress code. Nós estávamos de jeans, tênis e camiseta e não tivemos problemas.

Contudo, a fim de que não haja nenhum sufoco ou contratempo, acredito ser melhor acessar o site para ver que tipo de roupa é adequada a cada ambiente e horário.

Chicago vista do alto #chicago #viagem

Nossa mesa no lounge do The Signature Room no 95º andar – mais de 300 metros de altura

Uma amiga de Leo voou de Atlanta para passar o fim de semana conosco. Assim que, entre risos, conversa boa, um lindo visual, o tempo passou de maneira inesquecível! Era justamente o que nós buscávamos naquele fim de dia.

Mesmo respeitando os espaços alheios, com um bocadinho de paciência, conseguimos circular e ver a cidade de vários prismas e ângulos, observando seus contornos e contrastes, nos deixando levar pelas tão bonitas paisagens dessa adorada Chicago.

Chicago vista do alto #chicago #viagem

Com paciência e respeito às outras pessoas conseguimos ver Chicago de vários ângulos

Bela vista de Chicago

Em determinado momento eu fui ao banheiro. Ali, uma enorme parede de vidro, de ponta a ponta, com vista de Chicago. A mulherada tirando foto. Então, já era noite. As luzes da cidade já estavam acesas e o cenário tinha mudado: estava ainda mais bonito.

Dali conseguia ver o trânsito intenso de Chicago àquela hora.

Esperei tranquilamente por um espacinho para tirar uma foto também. Uma americana se ofereceu para fazer isso. Me dirigiu, sugeriu, sorriu o tempo todo, registrando minha imagem de pura felicidade, com essa cidade ao fundo, linda!

Definitivamente, uma de minhas favoritas no país, num de seus momentos de grande beleza.

Chicago vista do alto #chicago #viagem

Bonita Chicago vista do alto, no banheiro feminino do The Signature Room

Chicago vista do alto #chicago #viagem

Chicago vista do alto

Enfim e afinal…

Enfim e afinal, sem a menor sombra de dúvida, assistir ao entardecer dessa linda cidade, no The Signature Room no 95° andar do edifício John Hancock Center, bebendo um drinque, foi uma experiência que valeu à pena. Entrou na memória e deixou saudades.

Em resumo, o espaço é agradável, os cenários vistos dali são inegavelmente muito bonitos e o atendimento foi correto.

Localização – 875 N. Michigan Ave.

Para mais informações acesse os links abaixo:

Observatório – 360 ° Observatory

Restaurante – The Signature Room at 95°

Chicago vista do alto #chicago #viagem

Chicago

Leia também os outros textos do projeto 8 on 8, 8 com o tema “Mirantes – belas vistas”:

Mulher Casada ViajaHarder Kulm, o mirante de Interlaken na Suíça | Destinos por onde andei… – Mirantes imperdíveis para conhecer e amar!Viajante Econômica – Mirantes para visitar na Baixada SantistaChicas Lokas na Estrada – Mirantes na Região dos LagosEntre Polos – O Mirante para a Terra Prometida| Let’s Fly Away – Lugares para ver Paris do alto e se encantar! [8on8]

Quer saber sobre outro lugar maravilhoso para assistir um entardecer, dessa vez em Portugal?! 

Então clica no link bem aqui abaixo!Cais da Ilha de Genebra

Porto vista do alto: vinho e gastronomia

Venha espiar este mundão lindo comigo pelas redes sociais. 

Siga o Espiando pelo MundoFacebookInstagram e Twitter e Trip Advisor

              Chicago vista do alto #chicago #viagem

Chicago vista do alto #chicago #viagem              Chicago vista do alto #chicago #viagem

Chicago vista do alto #chicago #viagem              Chicago vista do alto #chicago #viagem

Chicago vista do alto #chicago #viagem              Chicago vista do alto #chicago #viagem

Chicago vista do alto #chicago #viagem              Chicago vista do alto #chicago #viagem

Clique em qualquer uma das dez imagens logo aqui acima Cais da Ilha de Genebra para que essa maravilhosa Chicago vista do alto  fique guardada em seu perfil no  Pinterest de modo que você possa consultar sempre que quiser. 🙂
Além disso, para mais inspirações e histórias de viagem siga o perfil do Espiando pelo Mundo no Pinterest.

Chicago vista do alto

Por fim, se você, meu caro viajante, gostou de Chicago vista do alto , decerto gostará de compartilhar em suas redes sociais a fim de que os amigos e conhecidos leiam também! 🙂 

Os botões de compartilhamento estão aqui abaixo.

Cais da Ilha de Genebra

 

By |2020-09-10T14:12:02+00:0008/09/2020|Categories: Américas, Chicago, Estados Unidos|Tags: , |10 Comentários

10 Comments

  1. Zudi Dadalt 10/09/2020 em 15:26 - Responder

    Chicago parece linda vista pelos seus olhos Analuiza. Quando estive lá, de passagem, não tive a oportunidade de fazer uma passeio tão bacana quanto esse, mas pude perambular um pouco pelas ruas movimentadas. Quem sabe um dia possa voltar e ir a esse restaurante, e quem sabe até uma visitadinha ao banheiro para fazer uma foto linda também.

    • Analuiza Carvalho 11/09/2020 em 10:23 - Responder

      oi Zudi… tomara que um dia você volte à Chicago. Não de passagem, mas para estar, para explorar, para sentir! Dos chão, em suas ruas movimentadas e do alto também! bjus

  2. Denise Barreto da Silva 14/09/2020 em 17:40 - Responder

    Ainda não conheço Chicago, mas adorei vê-la de cima a partir do seu olhar. Adoraria poder contemplar a vista para o Lago Michigan. Quando voltar aos Estados Unidos vou querer viver esta experiência! Beijos!

    • Analuiza Carvalho 15/09/2020 em 12:05 - Responder

      oi Denise; faça isso! Veja essa linda Chicago do alto, enquanto toma uma bebida, durante o entardecer! 🙂 bjus

  3. Lulu Freitas 18/09/2020 em 18:28 - Responder

    Que programa bacana ver Chicago do Alto tomando uns drinks relaxadamente. Adorei a dica. É o tipo de programa que curto fazer. Quero voltar a Chicago para isso!

  4. Cecilia 18/09/2020 em 22:50 - Responder

    Eu adoro ver uma cidade do alto. E Chicago seria um destino ótimo para fazer isso. Adorei as dicas e espero poder conhecer essa cidadezinha você tanto ama, Analuiza. Bjs

    • Analuiza Carvalho 21/09/2020 em 09:50 - Responder

      oi Cecília… torço para que um dia você conheça de perto essa incrível cidade! 🙂 Não deixe de ver Chicago do alto. Ela é tão linda quando vista do chão! 🙂 bjuus

  5. GISELE PROSDOCIMI 22/09/2020 em 04:57 - Responder

    Cada vez que leio ou vejo algo sobre Chicago, fico ainda com mais vontade de conhecer este destino. Sua experiência de Chicago vista do alto é surpreendente e mostra o tanto que esta cidade tem a oferecer ao visitante.
    Cenários realmente belíssimos, amei o post, obrigada por compartilhar conosco tantas maravilhas.

    • Analuiza Carvalho 22/09/2020 em 11:42 - Responder

      Sou suspeita Gi, porque Chicago é minha cidade americana favorita! Essa experiência, observando a cidade do alto, entre boa conversa e risos foi deliciosa! 🙂 bjus

Deixar Um Comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.