BISTECCA alla fiorentina:

Saímos da Officina Profumo – Farmaceutica, naquela manha de sexta-feira em Florença, encantados com o lugar e com muita fome. Colada nela havia um restaurante anunciando que servia bistecca alla fiorentina.

Nós sabíamos ser este um prato típico da culinária local e como adoramos experimentar a gastronomia dos lugares que visitamos, foi ali mesmo que nós entramos e almoçamos.

O Restaurante

BISTECCA alla fiorentina

Restaurante Tira… baralla

BISTECCA alla fiorentina

Tira… baralla : decoração chamativa

BISTECCA alla fiorentina

Tira… baralla : paredes amarelas

O restaurante chama Tira… baralla (Via della Scala, 28). Seu nome vem da combinação de duas palavras: tirabuscion (saca-rolhas) e a palavra florentina tarabaralla que significa: não importa, vamos passar.

O Tira… baralla funciona em um edifício com mais de 600 anos que pertencia ao Convento de Santa Maria Novella. Seu interior é chamativo e alegre: uma profusão de cores, com paredes amarelas, toalhas de mesa vermelhas e muitos enfeites pendurados nas paredes.

A decoração é a típica cantina italiana de meu imaginário. Sem pressa alguma, degustamos os sabores florentinos ali dispostos, enquanto alternávamos momentos de silêncio apreciativo com planejamento para o resto da tarde daquela sexta-feira.

O pecado da gula

BISTECCA alla fiorentina

Saúde

BISTECCA alla fiorentina

Cometendo o pecado da gula

Uma garçonete jovem e sorridente nos atendeu. Como estávamos famintos, cada um pediu uma bisteca (16,50 euros cada) e eu me assustei com o tamanho do prato quando ele chegou à mesa.

Comemos tudo, por pura gulodice (e também porque não consigo abandonar a comida no prato, sou contra qualquer tipo de desperdício). Foi tanta comida que naquele dia nós nem jantamos porque ainda teve a entrada com pães. Para acompanhar, pedimos meia garrafa de vinho tinto.

A bistecca alla fiorentina

BISTECCA alla fiorentina

Bistecca alla Fiorentina

Admito que a bistecca alla fiorentina não me deixou caída de amores. Para o meu paladar, que prefere comidas mais leves e saudáveis, era um prato muito gorduroso e pesado.

Apaixonei-me mais pela salada e pela batata que pela carne, mas valeu sim a experiência, afinal passear pelos sabores locais faz parte de minha diversão como turista.

Após o almoço, resolvemos seguir mais um dos conselhos de Sônia: ver o por do sol na Piazzale Michelangelo. Venha conosco ver este espetáculo da natureza!

Quer conhecer outros sabores locais?

By |2018-03-07T00:57:39+00:0021/02/2016|Categories: Florença|Tags: , |1 Comentário

Um Comentário

  1. […] de um almoço farto e guloso onde descobrimos o sabor da bistecca alla fiorentina, acompanhado de um ótimo vinho tinto, resolvemos seguir mais uma das sugestões de Sônia, a […]

Deixar Um Comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.